Dicas para investir numa franquia de alimentação

Para investir numa franquia de alimentação é preciso mais que afinidade com o segmento e marca, sendo interessante que pelo menos uma pessoa do grupo de investidores tenha experiência em gestão e administração, compras e estoques, bem como disposição para organizar esses aspectos.

É recomentado que o franqueado tenha sempre a possibilidade de se dedicar integralmente à atividade, contando com uma equipe de profissionais extremamente confiantes, assim como cuidando do controle e supervisão de todo o trabalho que a experiência demanda desses investidores.

Avaliar a concorrência também é aspecto importante.  Analisar o mercado, seus concorrente, vantagens e desvantagens é essencial para um bom posicionamento. A internet ajuda com essa tarefa, mas também é preciso ir a campo, visitando lojas e entrevistando proprietários e funcionários.

Antes da assinatura do contrato, é fundamental conversar com outros franqueados que operam na rede desejada, checando sempre a exatidão das informações passadas pelo franqueador, como dados relacionados a aspectos formais, de higiene, de qualidade e também de segurança alimentar.

investir em uma franquia de alimentação

As principais dicas dos franqueados são:

  • Identificar-se com o segmento, a marca e o produto;
  • Ter habilidade em lidar com pessoas (clientes, fornecedores e funcionários);
  • Analisar diversas marcas sob o ponto de vista mercadológico;
  • Pesquisar histórico, tradição e solidez junto à ABF e revistas de negócios;
  • Visitar unidades e conversar com franqueados e funcionários, pesquisando quais seus graus de satisfação;
  • Analisar o suporte oferecido, assim como seus benefícios;
  • Estar em linha com toda a legislação referente a higiene, qualidade e segurança alimentar;
  • Ter a consciência de que, muitas vezes, trabalhará nos horários de lazer das outras pessoas;
  • Buscar conhecimento na área de gestão e dedicar tempo à administração e supervisão do negócio.

E o mais importante de tudo, o franqueado precisa dispor de valores superiores aos exigidos para o investimento, tendo sempre a consciência do prazo de retorno, assim como de eventuais margens de lucro baixas, principalmente no início da implantação do seu negócio, pelo menos até que ele se estabilize efetivamente.

 

 

Deixe uma resposta